Blog

É possível tratar a flacidez da pele sem cirurgia

É possível tratar a flacidez da pele sem cirurgia

26/09/2017

A flacidez da pele é um problema comum a todo ser humano e aparece à medida que a pessoa envelhece. É uma frequente causa de consultas dermatológicas e até de cirurgias plásticas. Acomete toda a pele, em especial as áreas expostas ao sol, como face, pescoço, colo, mãos e braços. Pode ser também fator de agravamento para celulite e estrias.

A pele começa a se tornar flácida ainda na juventude. O problema pode se agravar devido a vários fatores, como exposição ao sol sem proteção adequada, fatores genéticos e hereditários, deficiências hormonais, emagrecimento acentuado devido a dietas ou cirurgias, deficiências nutricionais, entre outras razões.

Como tratar a flacidez da pele

A flacidez da pele pode ser retardada se houver hidratação adequada, proteção solar, uso de produtos cosméticos conforme o tipo de pele, especialmente daqueles que contêm ácidos na formulação, cuidado com o peso e a saúde em geral, em equilíbrio com uma dieta saudável.

Hoje, dispomos de muitos recursos, técnicas e equipamentos para realizar procedimentos em consultório que podem tratar, amenizar e postergar este processo progressivo de flacidez cutânea.

É importante consultar um dermatologista para fazer o diagnóstico das causas prováveis, do grau da flacidez e propor um plano para de tratamento que pode ser feito gradualmente.

É possível iniciar o tratamento com produtos cosméticos e depois realizar alguns procedimentos em consultório, como laser de érbio, radiofrequência, Tunelização Dérmica®, entre outros:

Peelings

O procedimento estimula  a produção de  colágeno (proteína que confere sustentação e tônus à pele).

Luz pulsada

A luz intensa pulsada é outro método que estimula a produção de colágeno na derme.

Laser C02

O laser CO2 é outro tratamento indicado para tratar a flacidez, mas e, como todos os outros, deve ser realizado por um médico especialista em dermatologia.

IPCA

Também conhecido como microagulhamento, esta técnica é recomendada para tratar casos de flacidez leve.

Ácido poli-L-láctico

Uma das vantagens desse tratamento dermatológico é o estímulo à formação natural de colágeno. Por isso, é um dos mais indicados no combate à flacidez.

Ácido hialurônico

A aplicação de ácido hialurônico pode ser realizada em conjunto com a aplicação de laser e luz intensa pulsada, e com peelings.

Estas técnicas, quando combinadas, proporcionam  melhores resultados. Conheça cada uma delas e estude com seu médico as possibilidades de utilizá-las no tratamento da flacidez.